Publicado em: 22/05/2020 ás 11:22:00 Autor: Cida de Sousa Fonte: Ascom

A Prefeitura de Paraíso do Tocantins, por meio Secretaria Municipal de Saúde pontua ações do plano de contingência e o fluxograma de atendimento para casos de Coronavírus (COVID-19).  De acordo com a gestora da pasta, Rosirene Leal, as unidades básicas de saúde são a porta de entrada dos usuários do SUS. “Com isto, toda a equipe de profissionais da saúde municipal passou por capacitação, para prestar atendimento imediato, desempenhando um trabalho técnico e competente aos pacientes da Covid-19”, explica.
Oportunamente, a secretária de Saúde, esclareceu dúvidas em relação aos testes, que são fornecidos pelo Ministério da Saúde e distribuídos aos municípios através da Secretaria de Estado da Saúde. “A princípio, seguindo o protocolo da Norma Técnica n° 11/2020,  estes estão sendo destinados a atender os grupos prioritários de profissionais de saúde e de segurança em atividade e em pessoas que residam no mesmo imovél deste e que apresentem sintomas da COVID 19”, afirmou Rosirene. 
A secretária da Saúde informa que a realização de exames deve sempre ser acompanhada de avaliação médica. Ela explica que os testes laboratoriais (SWAB), para diagnóstico da doença, é feito em pacientes com suspeita de COVID-19, que apresentam com sintomas gripais – conforme protocolo estipulado pelo Ministério da Saúde. “Nestes casos são coletadas amostras, na unidade exclusiva (UBS Ursulino Costa – Setor Oeste), para atendimento da doença e o resultado é dado em até 24 horas”, acrescentou. 
A unidade exclusiva é um local de referência no município para atendimento a casos suspeitos de COVID-19 e outras síndromes respiratórias agudas graves. Nesta o  atendimentos é das 06 da manhã às 18 horas, sendo ofertados os serviços de consultas médicas, agendamento de testes, prescrição de medicamentos. Já os casos que necessitam de hospitalização são encaminhados ao Hospital de referência do Governo do Estado, no caso primeiramente ao Hospital Regional e se houver a necessidade de atendimento de média e alta complexidade é transferido para Hospital Geral de Palmas (HGP). 
Ações restritivas e apoio da comunidade
De acordo com a secretária de Saúde a população tem contribuído com a Gestão Municipal e tem participado do processo, inclusive aderindo às medidas de prevenção, tais como o uso da máscara previsto obrigatoriamente no Decreto n°548/2020. “Todo o apoio da gestão na pessoa do prefeito Moisés Avelino, quanto do vice-prefeito Celso Morais, quanto dos vereadores e da própria comunidade tem sido importante para o controle da transmissão acelerada do Coronavírus”, ressaltou Rosirene.
Como neste período o indicado é evitar aglomerações a “Secretaria de Saúde tem publicado nos veículos de comunicação oficiais e nas mídias do município e do Estado todo o material informativo necessário com orientações de segurança sanitária e também o Boletim Epidemiológico para que a população tenha conhecimento das ações realizadas, da situação do município em relação aos casos de Covid-19 e também como se prevenir do contágio”, detalhou a gestora da Saúde no município.

 

Notícias relacionadas